Collaboration worker in office working together with Excel graph

Como calcular o lucro de uma empresa? Descubra!

O primeiro passo para descobrir como calcular o lucro de uma empresa é saber quais valores devem fazer parte dessa fórmula. Em seguida, entender a diferença entre lucro bruto e lucro líquido é essencial para identificar se, de fato, seu negócio está em crescimento. Descubra como calcular a margem bruta, líquida e de contribuição e entenda o que esses índices te dizem sobre a saúde financeira da sua empresa.

De acordo com o dicionário Aurélio, uma das definições de lucro é “o que foi ganho e/ou recebido através de uma comercialização, ou ato econômico”.

Por mais que o conceito pareça claro, bastando subtrair o valor de venda do custo do produto para chegar ao resultado, saber como calcular o lucro de uma empresa envolve várias outras vertentes.

Lucro bruto, lucro líquido, margem de lucro, rentabilidade, lucratividade são algumas definições que fazem parte dessa conta e todas serão explicadas neste post. 

 

1. O QUE É LUCRO?

De maneira bem rápida, podemos considerar como lucro o valor recebido proveniente da venda de um produto ou serviço após subtrair os gastos com sua aquisição, ou fabricação.

No entanto, por mais que pareça uma conta simples, saber como calcular o lucro de uma empresa consiste em entender outros fatores. O primeiro é compreender que o lucro está totalmente ligado à saúde financeira da sua empresa e ao sucesso do seu negócio.

2. O QUE É LUCRO BRUTO E LUCRO LÍQUIDO?

Além disso, temos outros dois indicadores que entram efetivamente na conta quando buscamos saber como calcular o lucro de uma empresa, que são o bruto e o líquido. 

Lucro Bruto

O lucro bruto, também denominado como “lucro de vendas” ou “lucro operacional bruto”, refere-se ao resultado da subtração da receita total e dos custos variáveis, ou seja:

lucro bruto = receitas totais – custos variáveis

Para receita total considere o valor obtido com as vendas. Para os custos variáveis, tudo o que for relacionado ao gasto para a produção/aquisição de um produto ou oferta de um serviço ao cliente.

Como exemplo, pense em um comércio que trabalha com a venda de material de construção. Um saco de cimento é vendido ao cliente final por R$ 20, mas sua aquisição para revenda é de R$ 15. Assim, o lucro bruto dessa empresa é de R$ 5 por item.

Lucro Líquido

Já o lucro líquido considera os custos variáveis, mas também os fixos, que são todas as despesas necessárias para se manter um negócio, tais como: água, luz, internet, aluguel, salários, impostos, etc. — sim, todas essas despesas devem ser consideradas quando se busca entender como calcular o lucro de uma empresa.

Assim, a fórmula para chegar ao lucro líquido é:

lucro líquido = receita total – custo total

Para ficar mais claro, veja este exemplo: uma loja vendeu R$ 10 mil em roupas durante o mês. Com custos variáveis, aqueles referentes à aquisição dos produtos, foram gastos R$ 2 mil. Entre comissões e despesas fixas, mais R$ 3 mil. Dessa forma, a loja teve um lucro líquido de R$ 5 mil: 10.000 – (2.000 + 3.000) = 5.000

3. COMO CALCULAR O LUCRO DE UMA EMPRESA?

Com essas definições em mente, fica ainda mais fácil entender como calcular o lucro da sua empresa e encontrar os valores reais.

Para começar, é preciso ter em mãos todos os números gerados por seu negócio, incluindo:

  • total gasto com despesas fixas;
  • total gasto com despesas variáveis;
  • total de vendas;
  • custos necessários para a prestação dos serviços aos clientes;
  • custos para aquisição ou fabricação dos produtos comercializados.

Por isso, o acompanhamento pontual de toda movimentação financeira e o suporte de uma contabilidade são essenciais para fazer esse cálculo e identificar realmente quanto de lucro sua empresa está gerando.

Com as informações, basta aplicar as fórmulas para encontrar o lucro bruto ou o lucro líquido do seu negócio.

3. QUAL A DIFERENÇA ENTRE LUCRO, RENTABILIDADE E LUCRATIVIDADE?

Mas o resultado dessa conta corresponde ao lucro, à rentabilidade ou a lucratividade? Quando se descobre como calcular o lucro de uma empresa, é importante ter claro na mente a diferença entre esses três conceitos que, apesar de parecerem iguais, são bem diferentes.

É esse esclarecimento que vai ajudar você a definir os próximos passos rumo ao sucesso do seu negócio, pois seus resultados evidenciam quanto sua empresa está ou não crescendo, permitindo ajustes para melhoria, expansão e tomada de decisões.

Como já mencionado, o lucro é o resultado positivo de uma transação comercial após a subtração dos valores correspondentes a custos e despesas, podendo ser bruto ou líquido.

rentabilidade é encontrada ao relacionar o valor investido em um negócio ao seu lucro líquido. Ou seja, se você investiu R$ 10 mil para abrir o seu negócio e hoje ele corresponde a R$ 15 mil, sua rentabilidade foi de 50%, pois o investimento se manteve e rendeu mais R$ 5 mil.

Já a lucratividade é um percentual definido entre o lucro líquido e o valor total das vendas. Em outras palavras, indica quanto (em porcentagem) uma empresa consegue ganhar com suas atividades.

4.  A IMPORTÂNCIA DA LUCRATIVIDADE

A lucratividade de uma empresa pode ser mensurada mensal, trimestral, semestral ou anualmente, tudo depende do indicador utilizado. Basicamente, sua fórmula é:

lucratividade = (lucro líquido / receita total) x 100

Para que você possa entender melhor, podemos usar o seguinte exemplo: imagine que, após fazer os cálculos, tenha chegado a R$ 100 mil em receita total (vendas) e R$ 18 mil em lucro líquido. Aplicando a fórmula, temos o seguinte resultado:

  • lucratividade = (R$ 18 mil / R$ 100 mil) x 100
  • lucratividade = 0,18 x 100
  • lucratividade = 18%

A lucratividade é um importante indicador financeiro que aponta a eficiência operacional de um negócio, impactando diretamente no seu nível de competitividade no mercado.

Por isso, para que você realmente tenha sucesso é fundamental, além de saber como se calcula o lucro de uma empresa, entender a diferença entre esse e os demais conceitos e, assim, ter uma visão clara do faturamento do seu negócio.